Rua Marilia, 40 | São Paulo - BRA
+ 55 11 98300-6511

10 hábitos para se manter criativo

pexels-photo-212286

Ser criativo é uma característica muito valorizada, mas sabemos que manter essa chama acesa não é algo muito simples.

Preparamos algumas dicas para você implementar na sua rotina, que certamente te ajudarão.


Saiba que nada é original

Quando você acha algo muito original, muito provavelmente só não conhece a fonte de inspiração. Nada se cria do nada. É importante ter isso em mente para entender que para criar algo “novo” e muito legal tem que adquirir muita referência.


Não olhe apenas, observe!

Coloque mais curiosidade nesse olhar e observe melhor as cores, formas e posições dos detalhes da vida. Manter-se curioso e atento alimenta sua criatividade e ainda te dá uma mão cheia de referências


Lixo entra, lixo sai

Somos influenciados o tempo todo e por isso é muito importante escolher o que vai te influenciar. Cuide para que o que você vê, ouve e lugar que frequenta seja de boa qualidade e inspirador


Saia de casa

Rotina é confortável mas acaba não acrescentando muitos insights. Manter a mente inquieta e ativa, como já dissemos, é importantíssimo. Um bom jeito de alimentar essa necessidade é justamente sair da rotina e conhecer novos jeitos de fazer, falar, andar, combinar coisas, etc. Quanto mais longe você for mais rica vai ser essa experiência. Como não é todo dia que se pode fazer uma viagem internacional, comece indo a museus, bares, bairros que você nunca foi. Observe, coma coisas novas, fale com estranhos!


Guarde suas referências para mais tarde

Mantenha anotações, bookmarks ou mesmo um excel com coisas legais que você viu na internet. É preciso ser inovador constantemente, ter uma coletânea de referências é essencial para desenvolver novas soluções.


Reserve tempo para ficar entediado

Sim, você já ouviu que somos bombardeados de informações.. o que talvez não tenha escutado, é que reservar tempo para fazer absolutamente nada é uma ferramenta ótima para pôr as ideias em ordem e assimilar informações. Reserve 1/2 hora do seu dia para passear com o cachorro, deitar no sofá ou, como disse, fazer nada.


Pratique a procrastinação produtiva

Nem sempre é possível explorar todo o seu potencial tendo um cliente que recusa suas boas ideias o tempo todo. Quanto mais trabalho criativo você fizer, mais criatividade brota em você. Por isso, use sua procrastinação para começar um projeto paralelo. Escreva aquele livro que você quer ler, desenhe o pôster que você não encontra para comprar, tenha um blog, enfim… seja seu próprio cliente!


Go Offline

O computador é o lugar perfeito para finalizar e editar ideias, mas ele deixa a tecla “del” muito acessível. Não é raro deletarmos boas ideias para darmos ideias a outras, questionavelmente boas. Fique offline, desenvolva suas ideias longe do ctrl+z e só as finalize no computador


Se mantenha sem débitos

Criatividade exige uma mente livre para trabalhar. Isso não vai acontecer, se estiver com a cabeça cheia de preocupações com dinheiro e saúde. Então coma bem, se exercite regularmente e, o mais importante: ECONOMIZE!


Cuidado com a Síndrome do Impostor

Aqui vai um segredinho: todo mundo duvida da própria capacidade mais cedo ou mais tarde. Não deixe que isso te paralize. Engula a insegurança e vá em frente

Essas dicas foram baseadas nesse livro aqui, que aliás é ótimo. Dê uma conferida!

Leave a comment